quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

Cascata da Ribeira Grande, Ilha das Flores, Portugal

De Santa Cruz das Flores para a Fajã Grande, uma imensa cascata, a Cascata da Ribeira Grande.

Estava na Ilhas das Flores, Açores, de férias e, ao contrário do resto do ano, não queria caminhar nem fazer qualquer tipo de atividade física. Queria usufruir do local dado que atividade física já a tenho durante o resto do ano.
Mas há dois dias que chovia torrencialmente e fazia um mau tempo muito caraterístico da tipologia de surpresas que os Açores nos pode oferecer. O tempo estava tão mau que as ligações de e para as Flores foram cortadas e ficámos sem poder ir passar uns quantos dias à ilha do Corvo.
Também caraterístico dos Açores é a rapidez com que tudo muda pelo que de repente o sol apareceu como se nada tivesse acontecido e toda a vida seguiu em frente, mas a revisita à ilha do Corvo acabou por ter que ficar para outra altura já que era tempo de seguir para o destino seguinte, a Fajã Grande.

No caminho de Santa Cruz das Flores para a Fajã Grande houve algo que nos interrompeu a viagem e não consegui resistir à fotografia cliché ... uma imensa cascata que havia engordado com toda a chuva dos últimos dias ... irresistível.
Mas o que pensei que seria simplesmente a repetição de um momento tal como tantas outras cascatas fotografadas, acabou por se tornar um breve encantamento.
O nome da cascata creio quer Cascata da Ribeira Grande mas não tenho a certeza e por isso peço a quem seja mais sabedor que me informe.
Cliché? Seguramente … mas venham mais momentos destes.
Enviar um comentário